Lilypie Fourth Birthday tickers
Lilypie Second Birthday tickers
Quinta-feira, 31 de Maio de 2007

Infantário I

Recebemos ontem a carta do infantário/creche. A Adriana tem vaga para o próximo ano lectivo. Entra dia 17 de Setembro. Já vai com um aninho.

 

Só temos que entregar uma série de documentos até ao dia 15 de Junho, para não perdermos a vaga da Adriana.

 

Agora e dado que ela neste momento está doentinha, coloca-se a pergunta: infantário ou ama?

 

É certo que o infantário faz bem ao desenvolvimento das crianças, mas para ter doenças não há nada melhor. Basta ter uma febre que chamam logo os pais. Por outro lado não tenho que fazer a comida para ela levar.

 

Na ama, não ganha tanta doença, e mesmo que tenha febre, aceita-a sempre e cuida dela. Mas tem a vertente do comer. É que ela entretanto vai começar a comer o segundo prato e depois o que é que lhe vou fazer para ela levar e que dê para aqueçer???? A sopa ainda é ao menos, mas e o resto..... Por outro lado uma criança numa ama, há menos crianças, o desenvolvimento dela não vai ser o mesmo.

 

O maridão diz que temos que pensar muito bem. A Saúde da nossa menina está em jogo. Mas eu sempre ouvi dizer "quanto mais se protege pior".

 

Temos 15 dias para pensar e falar sobre o assunto. Qual a vossa opinião??? Que me dizem??

publicado por famíliateixeira às 12:42

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

E ao fim...

de 3 noites para esqueçer, tivemos finalmente uma boa noite de sono.

 

Ontem durante o dia falei com a Pediatra, ela só dá consultas em VFX ás Segundas e Sextas. Agora só sexta-feira é que dava para ver a Adriana, mas se a situação fosse urgente disse-me para ir ter com ela a uma clinica em Lisboa, onde ela dá consultas. Mas coma a minha pequena não tinha febre, disse-me o que fazer como prevenção até Sexta-Feira.

 

Além da constipação, já tinha dito que ela tinha ramelas amarelas - resultado: a minha princesa está com uma conjuntivite.

 

Então a Dra. disse-me para lhe pôr uma pomadinha nos olhos e caso a tosse aumentasse para lhe ligar.

 

Ontem á noite, a minha princesa fez febre, pûs-lhe um benuron, soro no narizito, aspirei o narizito ( a muito custo, porque ela odeia que lhe mexam no nariz e contorce-se toda e grita que se farta). Fiz-lhe uns aerossóis com atrovent e deitei-a.

 

Já depois de dormir pus a pomadinha nos olhos.

 

Dormiu que nem um anjinho e só acordou esta manhã. Deu para descansar-mos todos.

 

Esta manhã, limpei-lhe os olhinhos, mais uma sessão de gritos e mais gritos por causa da limpeza do nariz, mas não tinha febre, mas ainda tem tosse.

 

Só quero que ela fique bem o mais rápido possível

publicado por famíliateixeira às 12:29

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 30 de Maio de 2007

Isto não está fácil

No post anterior, falei da noite agitada que a Adriana nos deu na madrugada de Segunda-Feira.

 

Mas não foi a única. Todas as noites têm sido muito agitadas. Isto não está nada fácil.

 

A Adriana já teve um principio de bronquiolite em Fevereiro, a Pediatra avisou-nos que normalmente estas situações repetem-se.

 

Depois desse problema, ele tem apanhado algumas ligeiras constipações, mas nada que o soro e uns aeróssois não resolvam.

 

Mas desta vez, isto está demais. Está bastante apanhada. Nota-se mais á noite. Anda muito chatinha, faz birras por tudo e por nada. Quando lhe limpo o nariz é um berreiro que só visto, até parece que alguém lhe está a bater. Tem ranhocas e agora até os olhinhos têm ramelas amarelas. Esta noite começou com a tosse. Febre não tem, mas anda muito perto disso. Já lhe pûs benuron e o que noto que ela fica bem mais calma depois, não fica tão agitada.

 

Já pensei que nos dentes - mas eles não provocam constipações, pode é ser os dentes e a constipação, juntos, deixarem-na neste estado!!!

 

A ama onte disse-me que ela pôs a mãozinha diversas vezes no ouvido. Ai, ai, não me digam que vêm aí uma otite? Mas eu toquei no ouvido e ela não se queixou, bem não se queixou até esta madrugada. Toquei no ouvido e começou a gritar.

 

E eu estou que nem posso. Há três noites a dormir 4 horas, isto não está nada fácil. Estou cá com umas enxaquecas... tou que nem posso.

 

Vou tentar marcar pediatra para amanhã de manhã, se não conseguir tenho que ir para o Hospital com ela.

publicado por famíliateixeira às 11:29

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 28 de Maio de 2007

Á noite

.... é que as coisa correram um pouco mal.

 

A Dri adormeçeu na viagem. Estava cansadinha a minha princesa.

 

Claro que eu já sabia, que quando chegassemos a casa, ela ia acordar. Tinha que lhe mudar a fralda e tinha que lhe vestir o pijaminha. E assim aconteceu.

 

Despertou, só queria conversa. Depois para adormeçer é que foi o elas.

 

Eu estava cansada (passear também cansa), e só me apetecia dormir. Deitamo-nos na caminha e a nossa princesa ficou ao pé de nós. Tentámos de tudo. Apagar as luzes, cantar uma cançãozinha... etc, mas nada ela só se virava de um lado para o outro. Era como se não estivesse bem de forma nenhuma.

 

Numa das vezes que ela estava quase a dormir, fiz a primeira tentativa - coloquei-a na caminha dela - tentativa falhada. Ela não grita, nem chora de estar na caminha dela. Eu é que fico tão cansada de me levantar e deitar para lhe pôr a chucha e para a pôr direita - porque ela controce-se toda- que prefiro deitá-la ao pé de mim. 

 

Tornou a adormecer ao pé de nós, tentamos de novo - segunda tentativa falhada novamente, tornou a acordar.

 

Foi outra vez para ao pé de nós. Lá adormeceu e finalmente ficou na caminha dela na terceira tentativa, que foi bem sucedida. Já eram para aí 23h30m.   

 

O papá fez o leitinho e deu-lhe. Bebeu todo.

 

Deitamo-nos e dormimos todos. Eram para aí 00h30m, a Dri acordou a gritar, mas a gritar mesmo. Levantei-a e tentei adormecê-la de novo ao meu colo. Não adiantou, ela só gritava. O papá disse que agarrava nela, e dei-lha conforme a passo para o colo dele, desata a vomitar.

 

Foi chão, foi tapetes, foi a mamã, foi o papá, foi a própria Dri. Estava tudo vomitado. É engraçado que ela vomitou sopa. Mas ela já tinha comido a sopa há imenso tempo. Já tinha feito a digestão - ou pensava eu que já a tinha feito.

 

Troquei-lhe a roupa, limpei a porcaria toda. Dei-lhe a fraldinha e a chuchinha e adormeceu logo. Assim que lhe pus a chucha, virou a cara para o lado e dormiu.

 

Mas foi um sono muito sobressaltado, passou a noite a reclamar e chegou uma altura já não me conseguia levantar, entrou o papá em acção.

 

Mas o que se terá passado? O que é que lhe fez mal? Alguma coisa caiu-lhe mal!!!!!

 

Não entendo.

 

Quando acordou estava bem, mas com uma fome descomunal. Bebeu 210 ml de leite. O que não é normal acontecer.

publicado por famíliateixeira às 15:12

link do post | comentar | favorito

Mais uma festinha

Ontem tivemos mais uma festinha - O Baptizado do primo R.

 

Correu tudo muito bem. O tempo é que não ajudou. Ora estava a chover, outras vezes lá aparecia o sol, mas muito, muito timidamente.

 

A Adriana ao principio estava a aborrecer-se, mas depois viemos para o quintal com ela e passou. Ficou mais bem disposta.  A festinha foi na casa dos tios J. e R.

 

Correu tudo bem. Foi bonito, foi bom.

 

A Adriana riu-se, palrou, disse adeus e dançou (com a mamã e com o papá). Acho que gostou. Pelo menos não reclamou.

 

Nos próximos fins de semana, vamos ter mais festinhas. No Sábado vamos ás festas a Salvaterra, no Domingo vamos almoçar a casa dos meus papás. No Domingo dia 10, faz o primo T., 8 aninhos. E lá vamos nós a mais uma festinha.

 

Com tanta festa, parece que a Adriana quando crescer só vai querer farra. Estou tramada!!!!

publicado por famíliateixeira às 15:01

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 24 de Maio de 2007

Ciúmes?.....Será

No Sábado passado, a minha sobrinha esteve na casa dos avós (meus sogros). Ela tem dois meses, está muito bem e gorducha. Ela vai ser mais gordinha que a Adriana.

 

Como o papá ficou de serviço nos Bombeiros (ele é Bombeiro Voluntário) no Sábado á noite. Eu e a minha piolha fomos á casa dos meus sogros ver a priminha.

 

Quando lá chegamos, ela estava a dormir no sofá. A Adriana começa a gritar imenso e a priminha acordou.

 

Houve uma altura em que a Dri estava ao colo da minha sogra e eu peguei na minha sobrinha ao colo. Passou um bocado, aliás um bocadinho, e a minha piolha ao colo da minha sogra começa a esticar as mãos para mim e a chorar. A minha sogra tentou acalmá-la, mas nada. Ela estava danada de eu ter outra ao colo. Começou a gritar imenso. A minha sogra desistiu, sentou-a no sofá e pegou na outra netinha que estava ao meu colo, e eu peguei logo na Dri. Ela estava muito sentida e chateada comigo. Ao meu colo ainda chorou, mas depois lá acalmou.

 

Será que era ciúmes? Só podia ser!!!!! Mas isso é bom sinal. Ela gosta de mim, e não quer mais ninguém ao colo da mamã dela.

 

FILHOTA, A MAMÃ É SÓ TUA. ADORO-TE MINHA PRINCESA.

publicado por famíliateixeira às 12:33

link do post | comentar | favorito

Novidades?..... Não muitas

Olá, não tenho escrito no Blog. Não há muitas novidades.

 

A maior novidade e a mais importante neste momento, é que temos o papá connosco outra vez. Não, ele não se tinha ido embora, estava era mais afastado, por causa do trabalho. Não tinha muito tempo para nós. Para mim, foi um mês super desgastante, tanto fisica como psicológicamente.

 

Mas o papá já viu que este emprego iria provocar, mais dia menos dia, um desgaste muito grande na nossa vida familiar. Uffff, já posso respirar de alivio. Já temos novamente, fins de semana a três.

 

A Adriana está óptima, ri-se imenso, grita imenso (acho que vai ser cantora de ópera!!!), senta-se muito bem. As noites são sempre uma maravilha, mas a sacana adormece muito tarde.... só quer é conversa e brincadeira.

 

Como adormece tarde, de manhã é um custo para levantar. Chego a levantá-la, mudar a fralda, vestí-la, dar-lhe o biberon e ela sempre a dormir. Mas o mais engraçado é que aos Sábados e Domingos, acorda cedo. Ai!Ai! Temos que ter uma conversa. Os fins de semana é para acordar mais tarde.

 

Rebola para todos os lados. Ainda não gatinha e ainda não tem dentes.

 

Já faz o "Índio" , ela grita, mas quem "bate" na boquinha sou eu. Sempre que lhe ponho a mão á frente da boca, começa logo a gritar. Eheheheh!!!!

 

As palminhas e o adeus é que está um pouco custoso. Sempre que lhe digo para bater palminhas, ela acha sempre mais graça ao meu colar, ou a alguma coisa que esteja mais á mão. Mas quando eu agarro nas mãos dela e faço-lhe as palminhas, ela abre muito bem as mãos. Não faz é sozinha.

 

A Adriana é uma bebé muito bem disposta. Mas quando não conheçe as pessoas não dá conversa nenhuma. Quando vamos ao café, as amigas da bisa até dizem que ela não é nada simpática. Ranhosas....

 

A minha bebé até é muito simpática, ela apenas é selectiva. Só ri para quem quer. ASSIM É QUE É FILHOTA!!!.

 

Mas em casa ela ri-se, as pessoas hão-de pensar que estamos a mentir, quando dizemos que ela até dá grandes gargalhadas. 

publicado por famíliateixeira às 12:14

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 16 de Maio de 2007

Alimentação

Defendo que a alimentação das crianças deve ser o mais natural possível.

 

Faço sempre sopa em casa e a fruta também.

 

Mas aos 6 meses dei-lhe pela primeira vez um boião de fruta e a malandreca adorou, e devo dizer que já comprei mais boiões de fruta, e quando por algum motivo não tenho tempo para preparar a fruta, dou-lhe, e sem remorsos, upss!

 

Como sabem a Adriana está numa ama. Tenho que lhe levar todos os dias o almoço e lanche (caso seja iogurte, pois a papa já lá está).

 

Na noite anterior, vejo sempre se tenho sopa suficiente para levar para a ama e para dar ao jantar no dia seguinte. Quando chego a casa não tenho tempo, para lhe fazer a sopa e dá-la acabada de fazer.

 

Mas houve um dia que não tive tempo de lhe fazer a sopa e só tinha que chegasse para levar para o almoço, para o jantar não tinha. Foi então que pela primeira vez comprei um pacote de sopa de legumes já feita, pronta a aquecer.

 

Aqueci e devo dizer que aquela cena não prestava para nada. Foi um problema para lhe dar. Ela não gostou daquilo.

 

Nesta semana, surgiu outro problema e não tinha sopa para lhe dar. Ainda tinha em casa um pacote da sopa de legumes que lhe tinha dado a primeira vez. Mas aquilo é tão intragável e como ela também não gostou, fui comprar outra coisa. Comprei aquelas refeições já prontas, e comprei de vitela com legumes.

 

Antes de aquecer parece um paté, mas depois de aquecer ficou num cremezinho. E a minha pequena gostou daquilo. Diga-se de passagem que o saborzinho era bem melhor que o da sopa.

 

Não vou e não quero fazer deste tipo de alimentação um sistema, mas acho que vou comprar mais um boião de refeição pronta e quando precisar dou-lhe.

 

SEM REMORSOS

 

publicado por famíliateixeira às 10:08

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Ida ao Pediatra

Foi na passada Sexta-Feira que fomos á consulta dos 8 meses.

 

A Adriana está bem, mas abaixo do peso normal para a idade. Não é algo que com que nos devemos preocupar, pois cada vez mais se fala na problema da obesidade infantil. Se antes, era bonito ter bebés gordos, hoje não é assim que deve ser. Os médicos/enfermeiros dizem cada vez mais para termos atenção á alimentação das crianças.

 

Peso - 7600 Kg  - P25

Altura - 70 Cm - P75

Perímetro Cefálico - 43 Cm - P<50

 

Conclusão - A minha filha é toda elegante, é alta e magra. Mas não entendo, porque ela tem uma grande barriga e umas coxas bem gordinhas. E também tem umas bochechinhas, mas não muito grandes.

 

A Dra. trocou o gel de banho e o creme hidratante, pois tem aparecido, umas borbulhagens na pele, principalmente no braço e também apareceu na barriga. A Dra. disse que lhe parece eczema. Mas vamos usar o gel duche e creme hidratante Exomega da A-Derma.

 

Esta Dra, disse que não devemos ter pressa em incluir coisinhas mais sólidas na alimentação da Adriana, como por exemplo as massinhas. Tenho lido coisas que diz que podemos dar as massinhas e a sopa menos triturada. Mas a Pediatra da Adriana, diz que devemos esperar. Pois dar comer menos passado, vai fazer com que ela se engasgue e podem entrar particulas de alimentos nas vias respiratórias e surgir infecções respiratórias graves.

 

Não há pressa, entretanto se surgirem os dentinhos pode-se dar uma coisa ou outra se não aos 9,5 / 10 meses começar a introduzir-se essas coisas e apartir daí pode começar a comer de tudo um pouco aos poucos e poucos.

 

O peixe só iniciar aos 10 meses.

 

Cada Pediatra diz uma coisa, e ficamos sempre na dúvida. O Pediatra do primo R. mandou introduzir o peixe e 1/4 de gema de ovo aos 9 meses.

publicado por famíliateixeira às 09:32

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 11 de Maio de 2007

Infantário

Quando a Adriana nasceu, inscrevi-a no infantário que fica aqui na minha terra. Claro que não havia vaga. Primeiro porque ela nasceu em Setembro, na altura em que deveria estar a entrar. Os quatro meses só os fez em Janeiro e nesta altura não se entra para o infantário, só em caso de desistências. Em Segundo, porque há muitas crianças inscritas e em lista de espera.

 

Espero que ela entre em Setembro. Por essa altura já ela tem um ano. Tenho um pouco de receio de como vai ser a habituação dela. Ela está habituada á ama e de repente mudá-la para o infantário, é uma grande mudança. Vai deixar de estar com a pessoa que cuidou dela durante estes meses.

 

Mas caso haja vaga também não a posso desperdiçar, porque depois é dificil entrar mais tarde. Caso não haja também não me ralo, porque sei que ela fica bem na ama.

 

Acho que as crianças devem ir para o infantário, é importante o contacto com outras crianças. Para o desenvolvimento deles é do melhor que há. Mas claro que tem os seus contras - as doenças. Os infantários são uns belos infectários - nisto também não há melhor que os infantários.

 

Agora digam lá como é que vai ser a minha vida quando a minha filha aparecer com varicelas e porcarias dessas. Fico preocupada, em primeiro lugar com a saúde dela, em segundo porque eu nunca tive doenças dessas (nem varicela, papeira, rubéola....nada, o máximo que tinha era anginas - não me digam que é agora em adulta que vou ter estas cenas, fogo..) em terceiro sou a única funcionária da minha empresa, se eu não estiver aquilo fecha - bonito hem?

 

CONCLUSÃO: ESTOU TRAMADA

publicado por famíliateixeira às 10:20

link do post | comentar | favorito

8 meses

E já lá vão 8 meses.

 

Foram são dúvida os 8 meses mais cansativos da minha vida. Nem quando andava na faculdade dormia tão pouco, nunca fui pessoa de fazer directas para estudar, as minhas 8 horinhas de sono eram sagradas. Mas agora, há séculos que não durmo 8 horas.

 

Mas também foram os 8 meses mais felizes da minha vida. Realmente nada se compara a ter um filho.

 

É certo que a vida muda, não há tanta liberdade. Mas também nunca fui de grandes borgas. Claro que gosto de sair á noite, ir a um bar... Mas há outras formas de aproveitar. Em vez de ir a um bar intoxicar-me de tabaco, vou a um café com esplanada, ou então fico pelo jardim que fica ao pé da nossa casa.

 

O tempo anda muito incerto, mas quando o tempo melhorar, temos que sair á noite para apanhar o fresquinho. Não quero deixar de fazer as coisas porque tenho uma filha, a minha filha não pode ser nem é um entrave para poder continuar a fazer as coisas de que gosto. Temos é que repensar a forma de as fazer.

 

Ter um filho é a coisa mais linda. Nem imaginam a baba que me escorre, cada vez que chego a casa da ama, e conforme falo para ela, ela solta grandes gargalhadas e fica felicissima de me ver. Mas há alguma coisa melhor do que isto? Digo e asseguro que não.

 

Só tenho pena que o tempo passe tão rápido.

 

PARABÉNS FILHOTA PELOS TEUS 8 MESINHOS.

publicado por famíliateixeira às 10:02

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 10 de Maio de 2007

Ser Mãe

Adoro-te e gostava de passar mais tempo contigo.

 

Tenho a noção que não aproveito ao máximo esta minha condição de Mãe. Também não sou pessoa que conseguisse ficar em casa contigo a tempo inteiro, também preciso do meu espaço.

 

Mas a vida passa a correr e parece que nunca tenho tempo para ti. 

 

Saio do trabalho ás 18h (mas claro, nunca é a essa hora). Vou buscar-te á ama e já perto das 19h é que saímos de lá. Antes de irmos para casa vamos as duas comprar o pão e ás vezes beber um cafézito. Outras vezes vamos ás compras.

 

Chegamos a casa, tenho que te dar banho, vestir o pijamita, preparo a tua sopinha e fruta, dou-te o jantar. Depois deixo-te a ver Tv, e vou arranjar o nosso jantar. Jantamos*, lavo a loiça. Entretanto já estás tu com uma moca de sono. Vais fazer um ó-ó ( ou então fazes uma birrinha que queres colinho e aí, claro, largo tudo e vou ter contigo e depois é que fazes o ó-ó)

 

Mas o meu dia ainda não acabou. Tenho que esterilizar biberons, ferver água para o teu leite (que coloco num termo, para ter quando necessito). Dia sim, dia não tenho que fazer a tua sopa,  e todos os dias tenho que tratar da fruta para levares para o dia seguinte.

 

Depois, tem dias que ainda vou passar a ferro, ou por a máquina a lavar, estender. Uffff!!!

 

Ao fim do dia, vejo que mais uma vez não aproveitei o dia para estar ao pé de ti.

 

E dizem vocês " e o pai, não ajuda", e eu respondo "ajuda, no que pode. A mudança de emprego não beneficia em nada os momentos com a familia. E acreditem que isto me doi muito......snif!!!"

 

 

* Melhor dizer janto. Porque quase todos os dias estou sozinha com a Dri.

 

Ser Mãe era mais fácil, se fosse possível ter uma pessoa que tratasse da nossa roupa e da casa!!!!

publicado por famíliateixeira às 11:22

link do post | comentar | favorito

Desenvolvimento

Amanhã, vamos á Pediatra. Vamos lá ver como anda o teu peso.

 

Tens sido uma bebé que está sempre abaixo do peso normal para a idade. Só quando fizeste 6 meses é que atingiste o percentil 50, mas aos 7 meses, quando fomos ás vacinas estavas outra vez abaixo do peso. Lá comprida és tu, até tens uma coxas bem gordinhas, mas não és uma bebé gorda, ou seja és uma Top Model.

 

O facto de andares com problemas a fazer cocó não ajuda. Tivemos uma fase que só comias iogurtes. A situação já melhorou, com a introdução de nabiças e espinafres na tua sopa. Mas tiveste dias que até metia impressão. Fazias tanta força e não saía nada. Até já chegaste a deitar um pouco de sangue do rabinho.

 

Comes muito bem a sopa, a fruta, a papa e os iogurtes. Agora o leite é um problema. Só o leite da noite é que bebes mais ou menos, e porque estás a dormir.

 

És uma bebé linda, toda a gente diz que és parecida com o papá. Só uma pequena minoria é que diz que és mamã. Ao menos no sexo sais á mãe. eheheheheh!!!!!

 

Já te sentas, embora ainda caias uma ou outra vez.

Adoras brincar e ver TV. Ris-te com a musica do Noddy e gostas de ver o Ruca. Adoras o BabyTV.

 

Dás muitas gargalhadas e refilas muito quando te tiram as coisas da mão. Só gosta de mexer no que não deves: Comandos, Telemóveis, chaves, as pomadas. A paixão pelos colares mantém-se.

 

Gostas de companhia. Rebolas imenso. Temos de ter cuidado contigo. Não te podemos deixar em cima da cama sozinha, senão.....

 

Agora com o tempo bom, andamos mais vezes contigo ao colo, para ver a paisagem, e tu adoras. E quando te coloco no ovo, refilas logo, chegas mesmo a chorar.

 

Tens muita força nas mãos (ás vezes para te tirar algo das mãos é um problema) e nas pernas (já te aguentas em pé).

 

Gostas muito de me puxar o cabelo. Quando estás para aí virada e o apanhas, quase que mo arrancas.

 

Adoras ver-te ao espelho. És uma vaidosa.

 

Estás agora na fase de aprenderes a dizer adeus e tu lá levantas a mão e a abanas.

 

Estás linda e muito crescida. Nem acredito que amanhã já fazes 8 meses. O tempo está a passar muito depressa.

publicado por famíliateixeira às 10:55

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 7 de Maio de 2007

Dia da Mãe I

Mas o dia ainda não tinha acabado. Havia ainda muitas birrinhas.

 

Chegamos a casa da minha sogra. Estava lá o meu sogro e a mãe do meu sogro (a bisa J.), também ía lá almoçar. Como não estava á espera de ir almoçar a casa da minha sogra tive que ir a casa buscar a sopa e fruta para a Adriana papar. Quando cheguei de novo a casa da minha sogra, estava a bisa com Dri ao colo.

 

Bastou eu articular uma palavra, para a minha filhota desatar aos berros. Só me queria a mim. Mas eu tinha que preparar a sopa, quando a punha ao colo da bisa era berreiro. A minha sogra tinha ido ao pão (normalmente é ela que aquece a sopa).

 

A minha princesa não está habituada a estar com a bisa, não que ela more longe, bem pelo contrário, simplesmente ela nunca nos visita, e nós temos a vida mais ocupada que ela e não nos dá jeito ir a casa dela. Só é costume a Dri ver a bisa quando vamos ao café, e ela que está lá com as amigas, pede logo para lhe pegar. Não está com ela mais de 20 minutos.

 

Foi um berreiro que até soluçava. Aconteceu o mesmo que tinha acontecido com os primos do Norte. Mas não havia muita confusão. Não entendi.

 

Lá acalmou, mas bastava meterem-se com ela, para dar inicio ao concerto de ópera. Claro que a sopa só dei quando ela acalmou.

 

Depois chegou a papá, a coisa melhorou e ficou mais bem disposta (A Dri adora o papá - para ele dá gargalhadas que para outras pessoas é muito dificil dar, também estou incluída nessas outras pessoas, embora se ria bastante comigo, nada chega á forma como ela se ri para o papá).

 

Agora pergunto, mas o que é que se passou? Não percebi. Secalhar não gostou do colinho da bisa, que no fim para ela é apenas uma pessoa que vê de vez em quando. Vê tanto a bisa, como as amigas da bisa, só no café.

 

Ai que má lingua que eu tenho, ups!!!!!

 

Tenho a minha avó internada no Hospital, fui com a minha mãe ver a avó. A Adriana ficou bem na casa da minha sogra. Não fez mais birras. Dormiu uma bela soneca, lanchou e tornou a dormir.

 

Mas ao fim da tarde, quando a fomos buscar, o papá pegou nela, afastou-se de mim, e não é que ela começou outra vez a querer gritar. A minha filha queria-me a mim. Ai que bom!!!!! Mas sempre a gritar não filha, a mamã não vai fugir.

publicado por famíliateixeira às 17:33

link do post | comentar | favorito

Dia da Mãe

A minha bebé deu-me uma dia da Mãe muito bonito. Começou com birras logo de manhã.

 

Como todos os Domingos, fomos á igreja. Ela foi para a escolinha (é assim que chamam ao local onde as crianças ficam). Tudo estava bem. Até que começo a ouvir o choro dela. Pensei que a controlavam, mas não, vieram chamar-me, gritava que só visto.

 

Elas acharam estranho, porque ela é sempre muito sossegada. Nesse dia como era Dia da Mãe, havia lá uma série de crianças. Nunca aquilo esteve tão cheio. Secalhar isso assustou-a, mas eu também me esqueçi de lhe levar a fraldinha para ela se enroscar para dormir.

 

Tive que sair com ela para a rua. Gritava imenso. Acalmou. Depois a minha sogra pegou nela, mas qual quê. Só se calava ao colinho da Mamã. Estava uma lamechas cheia de soninho.

Veio uma senhora de igreja, que disse que ficava com ela, mas era impossível dois minutos depois estava aos berros. Lá foi a mamã outra vez. Acalmou, estive imenso tempo com ela. Nunca dormiu. Depois veio um moço, e só com ele é que ela ficou. Mais de meia-hora.

 

Por essa altura entraram no palco da igreja, as crianças da escolinha. Tinham umas prendinhas para darem ás mamãs e tinham um poema para contarem. Foi muito bonito.

 

Entretanto começou a Adriana a chorar um pouco, fui buscá-la. Esteve ao pé de mim. Recebi duas prendinhas, que deram a todas as mães presentes. Um arranjo seco e um sabonete enrolado num tule, todo bonito. Só não recebi uma prendinha, que cada criança da escolinha ofereceu á sua mãe. Como a Adriana não estava lá dentro.......

 

Foi muito bonito, foram as únicas prendas que recebi, pois como já tinha dito, nós não ligamos a isso.

 

A Adriana acabou por adormecer, fomos para casa. Fomos almoçar á minha sogra.

publicado por famíliateixeira às 17:10

link do post | comentar | favorito

Religião??????

Casei-me e quero baptizar a minha filha numa igreja católica. Mas na realidade nunca frequento a igreja católica.

 

Desculpem-me quem não concordar comigo, mas não suporto a seca do padre, é demais, é sempre a mesma ladaínha. Não há quem aguente. Mas sei que há igrejas que têm Padres novinhos, que conseguem cativar as pessoas até a malta nova para irem á missa.

 

O Padre da minha terra já é velhote, o homem quer é descanso, e quando casei pedimos a um padre, que é da minha idade, que celebrasse o casamento, e assim foi. Foi muito melhor do que se fosse o Padre já velhote a celebrar.

 

Mas de há uns anos para cá (antes de me casar), que vou a uma outra igreja. Sinto-me bem naquele lugar. Há alegria, música e até piadas que dá para o pessoal se rir. Ali sinto que há mesmo uma presença.

 

Não condordo que seja uma outra religião, é apenas uma outra forma de ver as coisas. Lemos pelo mesmo livro que da católica - A Bíblia - aliás secalhar até lemos mais do que na católica.

 

Casei-me na igreja católica, pois foi isso que sempre idealizei, mas também para não ferir susceptibilidades, pois quase toda a minha familia e do maridão são católicos. E agora pretendo baptizar a minha pequena na católica.

 

Na igreja que frequento, não se baptiza as crianças, apenas se apresenta a Deus e pedesse a sua protecção e passo a explicar porquê, o baptismo significa uma comunhão com Deus, significa que queremos seguir Deus (seguir não significa ser padres ou freiras significa sim honrar) .

E não é os pais que tem que decidir se os filhos querem seguir Deus, são eles próprios, quando tiverem consciência disso, que devem decidir isso. Por isso mesmo o baptismo é feito em idade adulta.

 

E já estão a ver os nossos familiares, mais os meus, já andam com comentários, sobre o baptizado da nossa filha. Então não a baptizam???? Vão baptizar na outra igreja.... Quando ela fôr grande....etc.

 

Já não posso ouvir estes comentários. Mas o que é que eles têm a ver com a minha vida. Por acaso são eles que vão pagar o baptizado???? Que coisa. 

 

Nós é que sabemos se e quando e onde baptizo a minha filha!!!!!!!

 

Á parte: Costumo ir aos Domingos de manhã a essa igreja com a Adriana, maridão e sogra. E quando o maridão não pode vou só com a Adriana e sogra. Mas a Adriana não fica ao pé de nós. É que a igreja, tem uma salinha onde as crianças fazem actividades e brincam, e as "titis" estão lá para tomarem conta delas. Portanto a minha princesa fica lá ao cuidado das "titis" e até tem um berço para dormir. Quando as crianças têm algum problema é que chamam os pais.É muito bem tratada e gosto disso.

publicado por famíliateixeira às 16:29

link do post | comentar | favorito

Mal disposta

Na passada Sexta-Feira, qual não foi o meu espanto, quando cheguei a casa da ama da Adriana para ir buscá-la e dou com a minha filha com outra roupa. A minha primeira reacção foi " cagou-se toda??",mas não na realidade "vomitou-se toda". Sem mais nem menos deu em vomitar e lá foi a sopinha e a fruta que ela tinha comido ao almoço.

 

Ao lanche comeu a papa, e comeu bem, ao menos isso.

 

Mas no Sábado á noite aconteceu o mesmo. Dei a sopa á Adriana (em casa) e depois fomos nós comer ao McDonald´s (hihihi faz mal mas sabe bem!!!). Para que ela não ficasse a olhar para nós, dei-lhe uma bolachinha. Estava ela muito bem a comer a dita, começa a ter vomitos e vomitou-se toda, bonito!!! 

 

Mas o que é que se passa com ela. Vomita na Sexta e no Sábado. É estranho!! Mas também não posso fazer disso um problema. Nós também temos uns dias que estamos bem e outros mal.

 

publicado por famíliateixeira às 16:20

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 2 de Maio de 2007

"Donas do Parto"

Vi ontem esta reportagem na SIC.

 

Devo dizer que tive um parto medicalizado, levei soro, ocitocina, epidural e fizeram episiotomia.

 

Nunca tinha pensado em ter um parto completamente natural. Em primeiro lugar foi a minha primeira gravidez, não sabia ao certo ao que ía. O que me tinham dito é que custava muito, doía muito. Estava mentalizada, mas nunca me passou pela cabeça que realmente custasse tanto.

 

No meu caso entrei em trabalho de parto, por vontade da minha bebé, ou seja, não foi num dia marcado, á 1h da matina e ela nasceu ás 15h06m. Foi muita hora. A minha médica já me tinha dito que normalmente na primeira gravidez o trabalho de parto demora +/- 12 horas.

 

Mas claro que também há pessoas que chegam lá é só abrir as perninhas e já está. Para essas acho que realmente levarem a epidural não serve de nada. Mas no meu caso acho que me deu bastante jeito. Já estava sem forças e a epidural embora não tivesse um efeito total, aliviou e muito as dores.

 

A ocitocina foi bom, pois em vez de ter a Adriana secalhar ao fim do dia, tive ao meio da tarde.

 

Não tenho nada de mal a dizer das pessoas que me acompanharam, mas também devo dizer que não tive liberdade de movimentos. E nem sequer tive o meu maridão ao pé de mim.

 

Acho que para a minha primeira experiência o melhor foi realmente ter um parto em tudo medicalizado. Quem sabe quando tiver outra vez grávida e agora que já sei o que é um parto, me dê na telha que queira ter um parto o mais natural possível.

 

Logo se vê, mas quem passa é que sabe!!!!!

publicado por famíliateixeira às 17:50

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

My Family from WiddlyTinks.com

.Setembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. E quase 3 meses depois......

. Das festas de fim de ano ...

. O Papá

. Festas de Fim de Ano

. Da Joana

. As festas já se passaram....

. Hoje e Amanhã,

. A Adriana

. No Domingo á noite

. O Papá cá de casa...

.arquivos

. Setembro 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.links

Free Web Counters
Office Depot
online
blogs SAPO

.subscrever feeds