Lilypie Fourth Birthday tickers
Lilypie Second Birthday tickers
Segunda-feira, 30 de Abril de 2007

Doentinha

A Adriana está outra vez doentinha. Está com uma constipação. Este tempo também não ajuda nada.

 

Lá voltámos nós outra vez, ao uso dos benurons, aeróssois, e a máquina até já estava arrumada.

 

Tem aguadilha no nariz, tem febre, e um pouco de tosse, mas graças a Deus está sempre bem disposta.

 

A noite é que não correu nada bem. Adormeceu perto das 22h30. Choramingou diversas vezes. Deitei-me ás 00h30m. Acordou a chorar ás 1h15m. Levantei-me, peguei nela ao colo, ás duas por três começou a tossir e zás, vomitou-me toda. Estava muito rabujenta. Acordou de meia em meia hora até ás 4 da matina e quase sempre a gritar.

 

Como a papá tinha que acordar muito cedo e tem andado a descansar pouco, foi dormir para o sofá. Mas ele bem tentava dormir, mas sempre que ela acordava a gritar imenso, ele ia sempre ver o que se passava. Deitei-a ao pé de mim diversas vezes, ficava bem, mas depois desatava a chorar. Tornava a pô-la na cama dela, acordava novamente a gritar.

 

Ás 3 da matina pûs-lhe um benuron, já tinha passado 8 horas do último que lhe tinha posto. Deitei-a ao meu lado novamente. Só adormeceu novamente por volta das 4h e qualquer coisa. Dormiu até de manhã.

 

No meio disto tudo, e apesar da moca de sono que tinha, era muito bom ver a minha pequena de vez em quando a esboçar grandes sorrisos para a mamã e papá.

 

Vamos lá ver como vai ser as coisas esta noite. Ainda bem que amanhã é feriado.

 

ESTOU CANSADA.

publicado por famíliateixeira às 10:20

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 27 de Abril de 2007

Relação Mãe/Filha

Tenho lido alguns blogs, onde o tema cumplicidade entre Mãe e Filha vem á baila.

 

Por enquanto, até porque a minha princesa é muito pequena, não acho que tenha uma relação de cumplicidade, mas claro que á medida que ela for crescendo isso vai acontecer, pelo menos é o que eu espero.

 

Já falei diversas vezes com a maridão sobre a educação da Adriana. É claro que tenho dúvidas sobre como hei-de fazer as coisas. Não quero ser uma mãe rígida, mas acho que também não convém dar muita liberdade. Nem tanto ao mar, nem tanto á terra. Quero acima de tudo ser uma amiga para a minha filha, uma grande amiga. Mas para isso tenho que saber cativá-la.

 

Á medida que ela for crescendo, e quando começar a ir para o infantário, vou tentar falar sempre com ela, sobre como correu o dia, se brincou muito, se tem um namoradinho, ui!!! Quero que ela se vá habituando a contar-me as coisas, para quando ela for mais crescida ter o á vontade de me contar as coisas, sem eu sequer lhe perguntar. Não quero que ela pense "ela é minha mãe, não lhe posso contar!!!"

 

Tenho a noção, que quando achar que a minha filha fez alguma asneira, não posso entrar "a matar" - este foi o erro dos meus pais, por isso pregava tantas petas para conseguir fazer o que queria, como por exemplo: namorar, isto aos olhos dos meus pais (mais do meu pai do que da minha mãe) era proibido!!!!

 

Quero ser muito amiga da minha filhota, dar-lhe a minha opinião e fazer com que ela veja que eu quero sempre o bem dela. Quero poder ajudá-la e acompanhá-la nas suas primeiras conquistas, 1º namorado, 1º beijo, 1ª menstruação...... como também já fui menina (agora sou mulher, não é verdade?) tenho a certeza que vou sempre compreendê-la. Pois as dúvidas que ela há-de ter também já eu as tive.

 

Não há ninguém que a vá compreender tão bem quanto eu. Nem a papá o vai conseguir.

 

Quero que ela perceba que há coisas que se podem fazer e outras não. Mas também quero que ela saiba que é connosco que ela tem que contar quanto lhe surgir uma barreira no caminho dela. Nós os papás vamos ser sempre o seu porto seguro. Mas claro que também não posso estar a sempre a protegê-la, tenho que a preparar para a vida.

 

O que me mete medo, é que por vezes, embora haja uma grande cumplicidade entre pais/filhos, por vezes eles fogem do nosso controlo e metem-se em coisas que não devem: drogas, por exemplo.

 

Digo isto porque é lógico que não vou poder estar com a minha filha 24 horas por dia. E ela pode fazer o que lhe der na real gana e mentir-nos, e nós estupidamente acharmos que a nossa filha é "perfeita".

 

Isto parece ridiculo, mas já imaginei como vai ser quando a minha pequena casar, Ai!Ai!, não vai ser nada fácil, só de imaginar já dei por mim com uma lágrimazita. É tão dificil ver os nossos pequenos se soltarem dos papás. Sniff!!!

 

Só espero que daqui a uns anos possa dizer que sou a melhor amiga da minha filha, e que tenho com ela uma relação de grande cumplicidade.

 

ADORO-TE MINHA PRINCESA.

publicado por famíliateixeira às 11:40

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 26 de Abril de 2007

Mais uma gracinha

..... a minha princesa chucha no dedo do pé. EHEHEHEHEHEH!!!!!

 

Já tinha descoberto esta gracinha, mas só ontem é que vi.

 

Quando lhe calço meias, ela tira-as e já tinha reparado, que ela, certos dias, tinha os pés com baba. Já tinha dito ao papá, que ela já punha o dedo do pé na boca, mas ainda não tinha visto.

 

E ontem vi, estava a mudar-lhe a fralda, e claro que ela nunca para quieta. Então ás duas por três estava a chuchar no dedo do pé. Que engraçado.

 

A minha princesa é mesmo linda.  

publicado por famíliateixeira às 10:28

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 20 de Abril de 2007

Birras/Festas

A Adriana é uma criança que está habituada á calma da sua casa, não gosta de muita confusão/gritarias, fica muito agitada e também não gosta que andem sempre com ela ao colo.

 

Na primeira semana de vida, as coisas em casa foram calmas, até porque ela nasceu a uma segunda-feira, tivemos visitas claro, mas durante o dia as pessoas estavam a trabalhar portanto guardavam as visitas para a noite ou para o fim-de-semana. As primeiras visitas que a a Adriana teve á noite, agitou-a tanto que nessa noite só adormeceu ás 4h da matina, esteve sempre a chorar. Foi a primeira má noite dela.

 

Ela sempre foi uma criança que não gosta de muita agitação muito perto dela. Mas atenção, ela gosta de ir ao supermercado e ao jardim, gosta de ver as pessoas, ri-se mas não gosta que a maçem muito.

 

A primeira festa de aniversário, foi o primo R. que fez 1 aninho. Fomos á festinha a Dri só tinha 2 meses e meio. Tudo correu bem, não percorreu muitos colos. Esteve quase sempre a dormir ou ao colinho da prima T.

 

A segunda festa foi do amiguinho S. que fez 4 aninhos. Nesta festa a coisa não correu tão bem. Havia muita criançada a correr de um lado para o outro e aos gritos, coisas normais. Ela ao principio gostou de ver, mas depois começou a fartar-se do barulho e de passar de colo em colo. Resultado: Berreiro - tivemos que ir embora e quando chegou a casa não era nada com ela.

 

Até os almoços de família, lhe faziam confusão. Era muita gente ao mesmo tempo a fazer barulho e o facto do meu sobrinho estar sempre de roda dela também não ajudava. Mas ela foi-se habituando e já não se aborrece, nem fica chatinha nestes almoços. Também já conhece os tios, avós, primo. Na Páscoa esteve sempre bem e nunca fez birras e também havia confusão. Ou seja já se está a ambientar e também já conhece toda a gente. Até gosta de tocar no primo e de estar ao colinho dele.    

 

Quando tive o encontro de amigos, não a levámos pois já sabiamos que a coisa podia não correr bem, era muita gente, e de certeza que queriam pegar nela, então para o bem estar da minha piolha decidimos não levá-la e foi o melhor, pois em vez de me ter vindo embora perto da meia-noite, secalhar tinha vindo ás 22h.

 

Mas ontem, mais uma vez as coisas não correram bem. Vieram uns primos do Norte e jantaram em casa dos meus papás. Como os meus pais queriam juntar o pessoal todo fomos todos lá jantar eu, a Dri, o meu maridão, cunhado, mana, meus pais, os 4 primos do Norte , os meus avós e o meu sobrinho - éramos 13 pessoas.

 

Saí do trabalho, fui buscar a Dri e deixei-a logo em casa da  minha mãe, já lá estavam os primos. Fui á minha casa, buscar fraldas, a sopa e fruta e bonecos para a minha pequena - demorei para aí uns 20 minutos - Quando cheguei a casa dos meus pais nem queria acreditar - a minha pequena estava num berreiro que só visto. Até soluçava de tanto chorar. Assim que me viu ainda gritou mais, tipo a fazer queixinhas. Tentaram tudo e nunca a acalmaram. Até fiquei assustada, nunca a tinha visto assim.

 

Levei-a ao quintal, a ver os passarinhos e o gatinho e lá foi acalmando.

 

A minha filha está habituada a ficar com as avós, e nunca fez isto. Esta situação deveu-se ás pessoas estranhas (foi a primeira vez que viu os primos), aos colos de toda a gente e á confusão que se gerou á volta dela: "olá Adriana", "cucu"......etc.

 

Teve o jantar todo com birrinha, só se riu e disse tátátá quando se apanhou na casinha dela.

 

Ela gosta de festa e agitação, mas desde que não a aborreçam e que não a maçem muito.

publicado por famíliateixeira às 10:04

link do post | comentar | favorito

E agora que o tempo estava melhor!!!!!

Que raio de coisa, uns dias faz um calor descomunal outros chove e faz torvões de uma forma que até mete medo. Ora bolas!!!!! Quero que venha um solinho rapidamente......
publicado por famíliateixeira às 10:03

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 19 de Abril de 2007

E agora que o tempo está melhor,

só dá vontade de estar sempre fora de casa, a passear com a piolha. E claro que ela adora.

 

Quando o tempo estava mais frio, normalmente saíamos com ela sempre dentro do ovo, mas agora com o tempo melhor, já andamos mais com ela ao colo, para ela ver a paisagem, e ela gosta muito e ri-se toda.

 

Adora passear.

 

Ao fim de semana, costumamos sempre ir ao café. E normalmente vai sempre no carrinho, só por uma vez é que foi ao colo, e não gostei da experiência, e passo a explicar. Não me incomoda que as pessoas peguem na minha filha, mas também há que dar descanso. Quando a levámos ao colo ao café, andavam sempre a dizer "posso pegar?". Só sei que ela passou por tanto colo que já estava aborrecida, e claro isso também me aborrece a mim e ao papá ainda mais.

As pessoas tem que entender que as crianças não podem andar a percorrer uma série de colos, elas ficam maçadas, e ainda mais a Adriana que é uma criança que gosta de colinho, mas não por muito tempo, porque satura-se.

 

Então passámos a levá-la sempre no carrinho, assim fica sossegada no canto dela e ninguém a aborrece. Quando entendemos que devemos tirá-la, tiramos.

 

Mas isto não pode ser sempre assim. Tenho o direito a levar a minha filha a passear ao colo, sem ter que aturar os outros a pedirem a toda a hora para pegar nela. Acho que ainda me vou aborrecer com alguém!!!!!!

 

Será que estou a ser egoísta????

publicado por famíliateixeira às 11:08

link do post | comentar | favorito

E já está, mais uma vacina

é verdade,  e por agora acabaram as vacinas, agora só aos 15 meses é que leva as próximas.

 

Mas desta vez a minha pequena chorou muito, a pica deve lhe ter feito muito doer, minha rica filha.

 

Desde que a Adriana levou a 1ª vacina, disseram-me que após levar as vacinas, tenho que pegar nela ao colo, para ela ter a noção que já acabou, e se acalmar. E claro, foi o que eu fiz como em todas as outras vezes, mas ela continuou a chorar imenso. Ficou mesmo muito sentida. Tadinha da minha bebé.

 

Tal como eu suspeitei, não aumentou muito de peso. Só engordou 170 gr. Tornou a descer o percentil. Mas a Adriana até come muito bem a sopa, a fruta e os iogurtes e papa, mas o leite tem dias que bebe tudo, e outros que não bebe quase nada.

 

Depois da vacina, fomos passear um pouco e fomos ás compras.

 

Pela primeira vez a Adriana não jantou. Adormeceu por volta das 20h, estava com uma birra, e pensei deixa-a a dormir um pouco, que depois até come melhor, mas qual quê, adormeceu e só acordou esta manhã ás 7h30m. O jantar foi um biberão de leite, que o bebeu a dormir.

publicado por famíliateixeira às 10:50

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 16 de Abril de 2007

Já passou

o aperto no coração. O papá está a gostar e isso é que é importante. Claro que lhe exige mais horas de trabalho, mas é a vida.

 

A Adriana está boazinha, mas ainda anda, um pouco, presa dos intestinos. Uns dias faz bem, outros nem por isso. Estivemos na fase dos iogurtes, mas não podemos continuar assim. Qualquer dia enjoa os iogurtes. Vou começar a dar outra vez papinha, e até por causa do peso dela, não pode andar sempre a comer iogurtes. Ela tem que comer papinha para engordar. Dois dias iogurtes, um dia papa.

 

Na próxima Quarta-Feira, lá vamos nós levar mais uma vacina. Vai levar a 3ª dose da Prevenar.

 

A última vez que levou a prevenar, fez um pouco de febre á noite, vamos lá ver como vai ser desta vez.

 

Dentes, nem vê-los. Ela bem coça as gengives, mas..... nada.

 

A minha princesa está linda. Rebola, senta-se bem, mas tem que ter algum apoio. Embora não caia sempre, há alturas que ainda cai para o lado. 

 

Quer sempre mexer em tudo o que não deve mexer, adora os comandos, telemóveis, sempre que lhe mudo a fralda, quer sempre mexer na bisnaga do creme, estica-se toda para lhe chegar, e é louca por colares, estou a ver que a minha filhota vai ser muito vaidosa, ai vai, vai!!!!

 

Mas o pior, é que pega nos colares, e abana-os todos. Qualquer dia mete-me em trabalhos e ainda tenho que pagar um colar novo a alguém.

 

No Sábado, fomos dar um passeiozinho ao jardim de VFX. Ao pé do jardim, há a estação de comboios. Sentei-me num banquinho, tirei a Adriana do ovo, e coloquei-a em pé em cima das minhas pernas. Nessa altura estava um comboio a partir da estação, e foi uma delícia ver a minha pequena toda satisfeita a rir-se toda para o comboio, que estava a começar a andar. 

 

Pronto, já sei que a minha princesa gosta de comboios. Quando ela for mais crescidinha, temos que levá-la a andar de comboio.

publicado por famíliateixeira às 10:06

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 11 de Abril de 2007

Em relação ao trabalho do papá

.... porque é que sinto o meu coração tão apertadinho. Não sei se a escolha dele foi a mais acertada.
publicado por famíliateixeira às 14:44

link do post | comentar | favorito

7 meses

Já tens 7 meses, filhota.

 

O tempo passa a correr.

 

Faz hoje 7 meses que nasceste, e embora já tenha passado algum tempo, não me esqueci e nunca me vou esquecer do dia 11 de Setembro.

 

Foi o dia mais feliz da minha vida. Não me esqueço das dores que passei, mas também não me esqueço daqueles momentos que passamos assim que nasceste. Colocaram-te em cima do meu peito, e ficaste a olhar para mim e eu para ti. Disse-te " Olá filha, és tão linda" e dei-te beijinhos.

Tinhas os olhinhos tão abertos.

 

Nada se pode igualar ao amor que sinto por ti. Já chorei por causa de ti, quando estiveste doentinha, mas também já me ri muito e muito mesmo. Cada vez que refilas dá-me vontade de rir.

 

 És linda, filhota.

 

OS PAPÁS ADORAM-TE.

publicado por famíliateixeira às 11:32

link do post | comentar | favorito

E pela primeira vez, aqui vai....

publicado por famíliateixeira às 11:16

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 10 de Abril de 2007

Mudança de Vida

Estamos numa fase de mudanças na nossa vida.

 

Para começar pensámos em mudar de casa, mas este projecto vai ter que ficar em stand-by.

 

O nascimento de um filho é uma benção, uma dádiva, mas é certo que também nos trás muitas despesas que antes não tinhamos - ama, roupa, fraldas, toalhitas, leite, pediatras, vacinas, cremes, eles precisam sempre de muita coisa. E claro os gastos são muitos.

 

Por isso pensamos duas vezes se estamos preparados para mudar de casa. Neste momento tenho, como muitas familias portuguesas, casa e carro para pagar. Se mudasse de casa teria que pagar o carro (pois a prestação da casa iria duplicar) , e até ficaria com menos despesa do que tenho agora. Mas quando acabar de pagar o carro (que ainda falta algum tempo), tenho uma prestação de casa baixa, o que me permite fazer uma vida super desafogada.

 

Já sonho com umas férias a 3 na República Dominicana (fomos para lá em lua de mel e adorámos e queremos lá voltar com a nossa princesa).

 

Outra razão que me faz não tomar essa decisão agora, é que quando mudar de casa, tem que ser para um local com jardim, sou exigente!!!

É que eu vou á varanda da minha casa, e tenho umas palmeiras, parque para as crianças brincarem, ou seja a vista é bem bonita, e ir para uma casa nova, só porque é nova, não me parece, tem que ter uma vista bonita. E ainda não descobri nenhuma casa com preços acessíveis que dissesse "É esta!"

 

É tão bom estar á janela e ver as crianças a brincarem no jardim, e mais tarde vai ser a Adriana que vai estar também lá a brincar, é o que eu imagino.

 

Outra grande mudança na nossa vida é o emprego do maridão. Ele anda cansado do que faz, aliás aquilo já não lhe dá pica. Anda farto, saturado. Quer mudar de vida, de emprego. E já o fez.

 

Vai para aquilo que ele quer fazer, não é a profissão que eu mais gosto, mas é o que ele quer, e a minha obrigação é apoiá-lo. Não é justo ele ficar num emprego, onde ele não se sente bem. Uma pessoa tem que gostar do que faz, para se sentir feliz.  E NÃO, NÃO VAI SER BOMBEIRO A TEMPO INTEIRO

 

Com a escolha dele, vai passar menos tempo em casa, vou ficar mais sobrecarregada. Ele tem consciência disso e eu também. Esse aliás era um entrave para esta mudança que ele queria fazer na vida dele, mas conversamos sobre o assunto e dei-lhe o meu apoio, e disse-lhe que aguentava as coisas ali por casa. E quando não aguentar as avós dão um apoio, não é verdade?

Mas é preciso dizer que esta mudança também trás coisas boas, o ordenado vai duplicar, e este também é um factor importante.

 

Para que esta mudança fosse concretizada com sucesso, e sem grandes alterações na vida da Adriana, tivemos que comprar outro carro. É um carro já velho, também não é uma lata velha, apenas tem alguns anos, mas está bem estimado.

O maridão vai precisar de um carro. E o nosso quem o utiliza sou eu, até porque a ama da Adriana não é na mesma terra onde moramos, portanto a deslocação para lá tem que ser de carro. E não tinha lógica nenhuma tirar a Adriana da ama dela, para pôr numa outra ama que vivesse na mesma terra que nós , só porque o pai precisa do carro.

 

E dizem vocês, mas o pai podia levar a Adriana, mas não pode, pois os horários dele são muito esquisitos e não coincidem com a hora da Adriana ir para a ama.

 

A nossa vida vai sofrer grandes alterações, já estou a ver que vou ter que ir, muitas vezes, sozinha com a minha princesa para a praia no Verão, pois o papá não vai poder ir sempre. Mas os avós também estão cá para fazerem companhia, e conto com eles!!!!

 

Estou triste e tenho uma lágrimazita no olho, pois embora a mudança de emprego seja bom para nós monetáriamente, familiarmente não o é!!!!! A ver vamos como as coisas vão ser.

 

O papá começa hoje dia 10 de Abril, no novo emprego. BOA SORTE MARIDÃO/PAPÁ

publicado por famíliateixeira às 10:00

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 9 de Abril de 2007

Páscoa

Como a minha mana fazia anos no Domingo de Páscoa, fomos passar o dia a casa dos meus pais, mas com visita marcada a casa dos meus sogros e da minha tia.

 

Mas a chuva a potes e trovões que se fizeram sentir nesta zona, fez-nos desistir da ideia. Só houve tempo de irmos ao café e mais nada, caiu logo uma carga de água. A visita aos meus sogros ficou para mais tarde, mas á minha tia, acabamos por ir só eu e a minha mana. Pois com a chuvada na rua, acabou tudo por adormeçer em casa dos meus papás. A Adriana adormeceu, o papá ficou a tomar conta dela. O meu sobrinho ficou a lanchar e o papá dele a ressonar. A minha mãe ficou a preparar a jantar.

 

Então fomos só nós as duas, bem sei que ela gostaria de ver os sobrinhos, mas com a chuvada que fez e o friozinho que levantou foi bem melhor assim. E nós é que somos as sobrinhas, portanto ficou tudo OK.

 

A Adriana recebeu muitas prendinhas, um conjunto tipo fato de treino azul da benetton, um conjunto saia e tshirt, um pijama e 45 € e uma bolinha mágica da Chicco A Bisa da Adriana da parte do papá deu 100€ para todos. E recebemos também alguns pacotes de amêndoas, mas poucos e ainda bem.

publicado por famíliateixeira às 11:18

link do post | comentar | favorito

Grande Susto

No Sábado passado, apanhei um grande susto com a minha pequena.

 

Nós temos uma espreguiçadeira que foi por nós escolhida, e que sem estarmos á espera um casal de amigos acabou por oferecer. Fomos nós que a escolhemos, e escolhemos aquela pois achamos que não valia a pena dar muito dinheiro por uma espreguiçadeira, que faz o mesmo efeito que as outras caras. (As da Chicco são 70 e tal €)

 

Mas realmente as coisas não são bem assim. Com o susto que apanhei este fim de semana, não aconselho esta cadeira de repouso a ninguém.

 

A Adriana já se senta com apoio, sozinha por vezes ainda cai para o lado. Mas quando ela está na espreguiçadeira, ela levanta a cabeça e o corpo e  literalmente senta-se na espreguiçadeira. Aguenta-se muito bem. Não sei se há cadeiras de repouso que tenham cintos nos ombros, a cadeira de refeições da Adriana tem e o carrinho de rua também tem, mas a espreguiçadeira não. O que é certo é que ela inclina-se e senta-se.

 

A minha pequena costuma estar na sala, em cima do sofá (provavelmente é um erro, mas neste caso até foi melhor assim) a ver TV, sentada na bela da espreguiçadeira. Anda constantemente a palrar  tátátátátátá.

 

No Sábado fui ao meu quarto um instante e deixei ela na espreguiçadeira em cima do sofá a palrar. Eu estava lá dentro, mas sempre a conversar com ela e ela sempre a palrar. Quando cheguei á sala, nem acreditei no que vi. A Adriana inclinou-se tanto para a frente, que virou-se e ficou suspensa de cabeça para baixo. Atenção a espreguiçadeira não se virou. O tecido da espreguiçadeira é que foi atrás do cinto de segurança. A minha filha parecia uma equilibrista, estava de cabeça para baixo, a cair do sofá e só presa com os pés na espreguiçadeira(cujo tecido estava todo levantado), pois ficaram enrolados no cinto de segurança. Mas ela continuava a palrar.

 

Fiquei em pânico, peguei nela e começei a tremer. Só depois de pegar nela é que ela ficou assim tipo queixinhas, muito lamechas. Mas enquanto estava de cabeça para baixo, esteve sempre a palrar.

 

Digo que secalhar foi melhor estar no sofá, porque não aconteceu nada de mais grave, graças a Deus,mas se estivesse no chão tinha batido com a cara no chão.

 

Se eu puxar o cinto de segurança da espreguiçadeira, o tecido onde o bebé fica apoiado, vem todo atrás. Secalhar se fosse uma cadeira da Chicco isso não acontecia, mas ainda vou a uma loja que conheço, ver como são as espreguiçadeiras da Chicco, e depois digo.

 

FOI UM VALENTE SUSTO, A IMAGEM DA MINHA FILHA DE CABEÇA PARA BAIXO, E SÓ PRESA COM OS PÉS NÃO ME SAI DA CABEÇA.

publicado por famíliateixeira às 10:28

link do post | comentar | favorito

Intestinos Atrofiados I

A minha pequena não anda nada bem dos intestinos. A semana passada foi um problema. Um dia fazia cócó e mesmo assim duros, outros dias não fazia, e eu, claro, colocava -lhe logo o Bebégel. Ela anda com as fezes tão duras que até parece que vai quase rasgar a rabinho de tanta força que faz. Faz-me uma confusão. Tento ajudá-la com a cânula do Bebégel. Tem sido de mais.

 

Liguei para a pediatra, a Dra. disse-me para tirar a cenoura da sopinha, não dar nem maça, nem banana. E durante uns tempos retirar a papa da alimentação da Adriana. Dar só iogurtes com fruta. Em caso de ela não fazer cocó, dar o Bebégel, não ter receio. Mais vale dar o Bebégel, do que ela ficar com fissuras e isso sim é um problema.

 

E assim tem sido. Mas os cocós, só Ontem Domingo de Páscoa, voltaram mais ou menos á normalidade. Vamos esperar mais uns dias, mais uns bons dias, para voltar á alimentação normal.

publicado por famíliateixeira às 10:21

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 4 de Abril de 2007

Produtos de Higiene para Bebé

Eu e a minha cunhada (que foi mamã recentemente) estavamos a falar sobre os produtos de higiene de bebé, e é engraçado que quase todas as mamãs compram os produtos da Mustela, e depois os médicos/enfermeiros aconselham a mudar. Também já li recentemente, noutro blog, sobre este tema.

 

Eu fui uma das mamãs que comprou produtos da Mustela. Sempre achei que seriam os melhores produtos e pensei sempre que seriam estes que iria usar com a Adriana. Não estou a dizer que os produtos não são bons, mas o que é certo é que aconselham-nos a alterar.

 

Estava eu ainda grávida, comprei numa farmácia um cesto com produtos da Mustela. Gastei mais de 50 €. O cesto tinha coisas que eu á partida sabia que não iria usar mais daquela marca, como por exemplo, trazia toalhitas Mustela, mas eu estava decidida a usar e até já tinha comprado toalhitas da Dodot.

 

O Cesto tinha:

  • soro fisilógico, doses individuais (usei na altura, mas agora uso soro fisiológico, que compro em garrafas de litro, na farmácia - tipo garrafas dos hospitais - e para usar tiro o soro com uma seringa);
  • creme para muda de fralda (a Adriana quando nasceu tinha a pele muito seca, e este creme como o Halibut, que são grossos agarram-se a pele de tal maneira, que ela ficava com os poros da pele todos brancos, hoje uso Bepanthene Unguento, e recomendo);
  • creme para a fase (usei durante muito tempo, mas devido á crosta láctea que a Adriana tinha nas sobrancelhas, que ora apareciam ora desapareciam, o médico aconselhou-me a usar o Soam. Hoje é ssse creme que uso para o rosto da Adriana. É muito bom e tem glicerina);
  • Líquido para limpar o bebé sem enxaguamento (usei enquanto não caiu o cordão umbilical no umbigo)
  • Toalhitas Mustela (usei enquanto duraram, agora só uso toalhitas Dodot DermoActive)
  • Leite para o banho - para cabelo e corpo (ainda uso e até indicações em contrário vou continuar a usar)
  • Leite hidratante para depois do banho ( ainda uso, embora aconselhasem o Creme Gordo Barral. Então de vez em quando uso o creme gordo, outros dias o da Mustela)

Conclusão: Dei uma dinheirão pelos produtos e hoje só uso dois o creme de corpo, e o do banho. Á minha cunhada aconselharam a não usar estes produtos também, para usar o óleo para banho e creme para o corpo da marca Oleoban, acho que é assim que se escreve)

Se soubesse o que sei hoje, não tinha gasto tanto dinheiro, bem quer dizer no fim os outros produtos também não são assim tão baratos, mas secalhar não tinha gasto dinheiro, para pôr no lixo. 

 

Mas por acaso, antes de comprar o cesto, houve pessoas que me disseram que os cremes da Mustela não eram nada de especial, que havia outras marcas que eram melhores. Mas nós mamãs que temos a mania que sabemos tudo e também porque queremos dar o melhor aos nossos bebés, não damos ouvidos aos outros que têm alguma experiência. Bem mas há bebés que se dão bem com os produtos Mustela e usam sempre essa marca. Depende do bebé.

 

ESTAMOS SEMPRE A APRENDER.

publicado por famíliateixeira às 09:41

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 3 de Abril de 2007

Banhos

É cada vez mais engraçado dar banho a esta boneca. Já bate bastante com os pés...e conclusão deixa-me o WC já um pouco inundado. Nem quero ver daqui a mais uns meses.

 

Por opção, e também porque ambos os papás querem aproveitar todos os momentos com a princesa, damos-lhe sempre os 2 o banhinho (só quando o papá está num turno que não o permita fazer é que a mamã dá o banhinho sozinha). O papá agarra nela, e eu lavo-a.

 

Há uns tempos, demos-lhe um patinho, para ela brincar no banho, então agora o patinho é a companhia dela na horita do banho. Como ela já se senta, damos-lhe o banho com ela sentada e com pato a nadar na banheira. Ela estica-se toda para apanhar o pato e enquanto não o apanha não descansa. Nós dizemos "Adriana pára quieta", mas claro que entra a 100 e sai a 200. E se a porra do pato lhe foge da vista, começa logo a gritar.

 

Eu e o papá não aguentamos, olhamos um para o outro e desatamos a rir...

 

Está uma refilona esta minha filha, mas é tão linda.

 

Quando a tiramos do banho e a enrolamos na toalha o pato vai sempre com ela. Agarra-o bem agarrado, ele tb tem direito a ficar quentinho na toalha.

 

No outro dia, quando saiu do banho o pato caiu da mão dela, claro está que começou logo a refilar..... demos-lhe o pato, mas como as mãozinhas estavam presas na toalha e não as conseguiu tirar para agarrar o pato, o instinto da minha filhota foi abrir a boca. O pato tem é que estar ao pé dela, seja de que maneira for...... NÃO AGUENTÁMOS, DESATAMOS A RIR.

 

ÉS LINDA FILHA, ÉS A MENINA DOS NOSSOS OLHOS. ADORAMOS-TE

publicado por famíliateixeira às 11:25

link do post | comentar | favorito

Bolacha.....não me parece!!!!

Pois é, está testado. A Adriana não gosta de bolacha, pelo menos por enquanto!

Adora comer o seu belo do iogurte, seja ele natural ou não, com a bela da fruta. Anda a comer muito bem, mas o leite é que ela não bebe ainda os 210 ml, sabe Deus, beber 180 ml.

Anda numa fase de coçar muito as gengivas, mas de dentes....nem sinal.

 

Faz birrinhas, e que birrinhas!!!

Como é que é possivel, esta menina que só está neste mundo há quase 7 meses, começar a gritar quando lhe mudam o canal de TV. Isto está bonito, está!!!

 

Nós temos o pacote Funtastic Life da Tv Cabo, e neste pacote há um canal que é o BabyTV. Ela adora este canal. Este canal é mesmo para bebés. Tem muita cor e bonecos a passarem de um lado para o outro e ela adora.

 

Neste canal, há noite dá uns bonecos que ela adora. Ela vê sempre com muita atenção. Mesmo que a gente vá a sala falar com ela, ela não nos liga nenhuma, e se nos metemos á frente dela, desvia logo a cara ou reclama.

 

Mas assim que acaba aqueles bonecos, a malandreca começa logo a gritar, pois quer atenção. QUE GRANDA LATA, 1º OS BONECOS DEPOIS OS PAPÁS. AI, AI, AI....

publicado por famíliateixeira às 11:10

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

My Family from WiddlyTinks.com

.Setembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. E quase 3 meses depois......

. Das festas de fim de ano ...

. O Papá

. Festas de Fim de Ano

. Da Joana

. As festas já se passaram....

. Hoje e Amanhã,

. A Adriana

. No Domingo á noite

. O Papá cá de casa...

.arquivos

. Setembro 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.links

Free Web Counters
Office Depot
online
blogs SAPO

.subscrever feeds